FALE CONOSCO
49 99122.9001
Central de Atendimento
(49) 3304 4757 . sac@nutrir-sc.com.br
Postado em 02 de Setembro de 2019 às 08h45

SÉRIE – PREPARANDO SEU PACIENTE PARA A CIRURGIA

SAÚDE (57)
  • Nutrir Nutrição Enteral e Suplementação -

Nutrientes imunomoduladores

Arginina = Benefícios metabólicos e imunológicos
Ômega-3 = Reduza o estímulo inflamatório e modula a resposta imunológica
Nucleotídeos = Essenciais para a rápida proliferação celular

A adição de arginina, ácidos graxos ômega-3 e nucleotídeos aos suplementos nutricionais convencionais confere vantagens adicionais da nutrição perioperatória, como atenuação da resposta inflamatória, estímulo do sistema imunológico e melhor cicatrização, pois a arginina é precursora da prolina, fundamental para síntese do colágeno. Nesse contexto, vários estudos randomizados documentaram claramente esses resultados positivos. Há hoje, na literatura, mais de 50 estudos prospectivos randomizados sobre o tema, e que foram objeto de 5 meta-análises.

Recentemente a revisão das cinco meta-análises existentes sobre o assunto confirmou, de maneira consistente, que em desnutridos graves ou moderados a terapia nutricional pré-operatória por 7 a 14 dias está associada à redução de infecções pós-operatórias e do tempo de internação. a terapia nutricional deve ser implementada no pré-operatório, preferencialmente por via oral ou enteral em pacientes desnutridos candidatos a procedimentos cirúrgicos de grande porte do trato digestivo ou de cabeça e pescoço.

Há evidências de que esses pacientes, tanto os desnutridos quanto os de estado nutricional preservado, se beneficiam com formulações contendo imunonutrientes administradas no perioperatório. Em consonância com estas evidências, as diretrizes brasileiras de terapia nutricional no perioperatório recomendam que esta seja indicada por um período de 7 a 14 dias em pacientes com risco nutricional grave, candidato a operações eletivas de médio e grande porte. Em pacientes desnutridos, submetidos a operações para tratamento de câncer do aparelho digestivo de cabeça e pescoço, recomenda-se a terapia nutricional pré-operatória com imunonutrientes por 7 a 14 dias, e esta deve ser continuada no pós-operatório por mais 5 a 7 dias.muito bem feito em operações de grande porte para recepção de câncer, mesmo não havendo desnutrição grave, os suplementos contendo imunonutrientes estão indicados por 5 a 7 dias antes da cirurgia e devem ser continuados no pós-operatório.

Uma recomendação similar é feita pela ASPEN (Sociedade Americana De Nutrição Parenteral e Enteral) e ESPEN ( Sociedade Europeia De Nutrição Clínica e Metabolismo). As diretrizes da ESPEN para oncologia, de 2016, conferem grau de recomendação forte para emo nutrição por via oral ou enteral em pacientes com câncer do aparelho digestivo alto, candidatos á cirurgia. O uso desses suplementos por 5 a 7 dias no pré-operatório e, se possível, continuado por até 7 dias no pós-operatório, resulta em redução de cerca de 50% das chances de infecção, além de redução do tempo de internação.

Como utilizar:
3 unidades ao dia (600ml).
Durante 5 a 7 dias antes e após a cirurgia.

Fonte: colégio Brasileiro de cirurgiões

Veja também

Paralisia Cerebral: como recuperar a força do paciente através da Alimentação25/04/17 A Paralisia Cerebral é um termo usado geralmente para descrever um grupo de condições clínicas que dão início a uma alteração do movimento ou da postura do paciente devido a uma lesão que afeta o cérebro ainda em desenvolvimento. De uma forma geral, a alimentação de uma pessoa com paralisia cerebral deve ser igual à da......
MEU RIM FALHOU, E AGORA?30/01/19 A doença renal crônica (DRC) é uma lesão que ocorre de maneira lenta, progressiva e não pode ser reversível. Os rins são órgãos reguladores de homeostase corporal, que tem como função......

Voltar para BLOG