FALE CONOSCO
49 98875-5236
Central de Atendimento
(49) 3304 4757 . sac@nutrir-sc.com.br
Postado em 22 de Novembro de 2016 às 09h59

O BENEFÍCIO DO PROBIÓTICO

SAÚDE (62)
  • Nutrir Nutrição Enteral e Suplementação -

Segundo as Diretrizes Mundiais da Organização Mundial de Gastroenterologia (WGO, 2011), probióticos são microrganismos vivos que quando consumidos em quantidades suficientes, devem produzir efeitos benéficos à saúde e ao bem estar do ser humano; além dos efeitos nutricionais habituais que beneficiam o hospedeiro por meio da melhoria no equilíbrio da microbiota intestinal.

A influência benéfica dos probióticos sobre a microbiota intestinal se deve ao aumento da resistência contra patógenos, reforçando os mecanismos naturais de defesa.

A microbiota intestinal saudável é definida como aquela que conserva e promove o bem-estar e a ausência de doenças, especialmente, do trato gastrointestinal. Ela forma uma barreira contra os microrganismos invasores, potencializando os mecanismos de defesa do hospedeiro contra os patógenos, melhorando a imunidade intestinal.

Existem ainda outras funções metabólicas e nutricionais, incluindo: a formação de vários nutrientes que são disponíveis para a absorção, contribuindo assim para o suprimento de vitaminas como a vitamina K, B12, tiamina e riboflavina.

Para ser considerado um probiótico, o produto deve conter as seguintes características:
1. Ser de natureza humana.
2. Ser eficaz e seguro.
3. Ser resistente ao ácido e à bile.
4. Aderir ao epitélio intestinal para uma maior interação com o sistema imunológico.
5. Ter potencial para colonizar o trato gastrointestinal.
6. Exercer atividade nutricional a aintimicrobiana.

Outro detalhe importante para efeitos terapêuticos e preventivos é a dose diária, estabelecida pela Comissão Tecnocientífica de Assessoramento em Alimentos Funcionais e Novos Alimentos: 109 Unidades Formadoras de Colônia (UFC).

Simfort é um probiótico e está disponívem em nossa loja online, acesse através do link www.nutrir-sc.com.br/_loja_/p/35750

Veja também

Perda de apetite na quimioterapia: Entenda as causas e como tratar27/07/17 A falta de apetite em pacientes que estão em tratamento quimioterápico muitas vezes tem relação com o aumento na produção de citocinas gerada pelo tumor, esse aumento avisa o cérebro para comer menos diminuindo assim ainda mais o apetite. Pacientes com câncer em tratamento quimioterápico é comum ter alterações no apetite, isso......
MEU RIM FALHOU, E AGORA?30/01/19 A doença renal crônica (DRC) é uma lesão que ocorre de maneira lenta, progressiva e não pode ser reversível. Os rins são órgãos reguladores de homeostase corporal, que tem como função......
OMS classifica carne processada como alimento cancerígeno09/11/15 Carnes processadas – como salsicha, presunto, linguiça, hambúrguer e bacon – foram classificadas como alimentos cancerígenos para seres humanos, conforme divulgado hoje (26) pela Organização Mundial da......

Voltar para BLOG