FALE CONOSCO
49 98875-5236
Central de Atendimento
(49) 3304 4757 . sac@nutrir-sc.com.br
Postado em 15 de Fevereiro de 2018 às 17h11

CONTROLE GLICÊMICO EM TERAPIA NUTRICIONAL

SAÚDE (62)
Nutrir Nutrição Enteral e Suplementação Diante do cenário alimentar atual, caracterizado pelo aumento do consumo de alimentos de maior grau de processamento, frequentemente encontramos a hiperglicemia (nível elevado de glicose na...

Diante do cenário alimentar atual, caracterizado pelo aumento do consumo de alimentos de maior grau de processamento, frequentemente encontramos a hiperglicemia (nível elevado de glicose na corrente sanguínea) em pacientes, inclusive entre os que se alimentam com sonda.

A hiperglicemia pode ser negativa a saúde do paciente quando não tratada, favorecendo a maior probabilidade de agravamento de doenças cardiovasculares, insuficiência renal, acidente vascular cerebral, entre outras complicações. 

Um estudo realizado em 2016, chegou à conclusão de que o controle glicêmico tem relação direta com a terapia nutricional enteral, e ainda, na escolha adequada da nutrição enteral o resultado pode ser positiva para o controle glicêmico, resultando em melhores prognósticos clínicos.

Segundo a sociedade Brasileira de Diabetes, o controle glicêmico do paciente pode reduzir a mortalidade a curto e longo prazo, falência de múltiplos órgãos, infecções sistêmicas, permanência no hospital e na UTI, nesse sentido se vê claramente a importância da escolha correta da dieta enteral específica que auxilia no controle glicêmico, seja esse paciente diabético, ou não.

Conheça nossa linha de dietas para controle glicêmico!

    Veja também

    A ALIMENTAÇÃO DURANTE A QUIMIOTERAPIA 09/07/18 Uma alimentação nutritiva é sempre vital para que o organismo funcione melhor. A boa nutrição é ainda mais importante para as pessoas que estão em tratamento de câncer. Quem come melhor tem mais capacidade de vencer os efeitos colaterais e de enfrentar, com êxito, as sessões de quimioterapia.  Uma alimentação saudável......
    NOVAS EVIDÊNCIAS EM FÓRMULAS PARA ALERGIA AO LEITE DE VACA28/11/17 Nas últimas décadas, houve um aumento epidêmico de doenças alérgicas. A alergia ao leite de vaca (ALV) é uma condição comum em crianças, com incidência em torno de 2 a 7,5% do primeiro ano de......
    Nutrientes que valem ouro25/06/19 Segundo a Organização Mundial da Saúde a incidência de neoplasias malignas humanas (câncer) vem aumentando grandemente nos últimos anos; e umas das estratégias usadas para o tratamento dessa patologia é o......

    Voltar para BLOG